Notícias

Ansiedade na adolescência: fase de preocupações

A adolescência é uma fase de preocupações naturais, como mudanças no corpo e busca por identidade. A ansiedade saudável impulsiona o enfrentamento de desafios, mas pode se tornar problemática. Tipos comuns de ansiedade incluem fobias, ansiedade generalizada, social e pânico.

Sintomas de ansiedade incluem retração social, sintomas físicos como dores de cabeça, enjoos, taquicardia, dificuldades escolares, problemas de sono e alterações na alimentação.
Devemos ficar atentos aos sinais de ansiedade.

Eles podem roer unhas, evitar situações sociais, ou podem estar constantemente se queixando de sintomas físicos, como enjoos, dores de cabeça, sudorese.

Podem muitas vezes apresentar dificuldades escolares, pois a ansiedade afeta a atenção e a concentração.

Um sintoma comum na ansiedade é a evitação. Em vez de enfrentar os desafios, o jovem passa a adiar a entrega de trabalhos e se isolar socialmente. Pode buscar excessivamente o celular para evitar os desafios do dia a dia.

É importante compreender os comportamentos disfuncionais para aliviar a ansiedade e também como os pais lidam com a própria ansiedade, pois são modelos para os filhos.

A ansiedade na adolescência traz prejuízos e sofrimento psíquico, não encare como uma fase passageira. A ansiedade pode persistir na vida adulta. Procure ajuda profissional.

Ansiedade* Artigo da colunista Thalita Martignoni, psicóloga (@thalitamartignoni.psi).


Portal Utilità

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo