Dicas & Curiosidades

atleta e preparador físico, Mateus Xavier, dá, dicas sobre métodos para prevenção e redução de risco de lesões

Recentemente, alguns atletas que atuam na Seleção Brasileira, foram afastados da Copa
do Mundo, por problemas relacionados a lesões na região do tornozelo e também do joelho.

Problemas físicos podem acarretar em sérias consequências na carreira profissional dos
jogadores. Mateus Xavier, ex – atleta e especialista na preparação física de atletas de
futebol, explica que as lesões não têm como ser evitadas e que todos estão sujeitas a
passar por este tipo de problema, porém, quando aplicado métodos personalizados as
chances podem ser reduzidas.“Lesões Micro Traumáticas, ocasionadas pela realização de
movimentos repetitivos, é indicado a aplicação de métodos validados pela ciência, como por
exemplo, a Termografia (aparelho de calor), que demonstra as regiões mais propensas de
lesão de cada atleta. Ou uma estratégia mais simples e acessível, como por exemplo o
PSE”.

Alimentação equilibrada

A boa alimentação é uma das questões que devem ser tratadas de maneira cuidadosa,
com o acompanhamento de um nutricionista especializado. “Referente a Contraturas
Musculares, que geralmente ocorrem em razão às alterações iónicas, deficit de hidratação,
e má alimentação dos atletas, é necessário que haja o acompanhamento em um conjunto a
um nutricionista desportivo que planeje e gere um plano alimentar de cada jogador, focado
no dia a dia e objetivo”, acrescenta Mateus Xavier.
“Quando ocorre este tipo de lesão o mais indicado é o treino de força. Reduzindo os níveis
de deficit muscular de um membro ou músculo em relação ao outro, trabalhando com
exercícios unilaterais (focando em um membro por vez). Permitindo que haja equilíbrio nos
níveis de força daquele indivíduo”, ressalta o especialista Mateus Xavier.

Estratégias

Com o alto número de jogos e demandas que compõem o calendário esportivo dos
jogadores, o índice de problemas tende a aumentar sendo necessário a elaboração de
estratégias bem delineadas que condizem com a realidade e capacidade técnica de cada
um: “para a recuperação entre sessões de treinamento e jogos, é necessário informar e
educar os atletas que o principal pilar para uma boa recuperação, é o sono, descanso,
alimentação, hidratação e utilização de métodos ativos e passivos necessários, como
Crioterapia (banho de gelo). Treino de força dos membros superiores com baixa
intensidade, estímulo aeróbico de baixa intensidade, rolo de massagem, dentre outros
métodos”.

MX Performance

Especializada em aplicação de Treino Presencial de Campo, Força, Cardio e
Acompanhamento Nutricional Desportivo, a MX Performance é uma empresa que visa o
desenvolvimento e a potencialização da performance física, técnica, posicional, mental e
nutricional de jogadores de futebol. Prestando atendimento para atletas que buscam se
preparar para uma avaliação ou que já estejam em um clube e pretendem se desenvolver,
além de diminuir o risco de lesões.


Fonte: Rionoticias

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo